25 de Agosto de 2021, 11h:54 - A | A

Nacional / DIREITO DE IR E VIR

Bolsonaristas vão à Justiça contra passaporte da vacina

A prefeitura de São Paulo anunciou na 2ª feira (23.ago.2021) que haveria um passaporte de vacinas para entrada em jogos de futebol, feiras, shows e outros eventos. E também em bares e restaurantes, que depois foram excluídos da lista.

PODER 360




Um grupo de deputados bolsonaristas disse que ingressará com uma ação na Justiça para tentar barrar a exigência de comprovante de vacinação contra covid-19 em grandes eventos na cidade de São Paulo.

A ação será ajuizada no Tribunal de Justiça do Estado, segundo eles.

O anúncio foi feito nesta 3ª feira (24.ago.2021) pelo deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente da República, no Salão Verde da Câmara dos Deputados.

Estavam ao seu lado Coronel Tadeu (PSL-SP), Caroline de Toni (PSL-SC), Carlos Jordy (PSL-RJ), Soraya Manato (PSL-ES) e Chris Tonietto (PSLRJ). A prefeitura de São Paulo anunciou na 2ª feira (23.ago.2021) que haveria um passaporte de vacinas para entrada em jogos de futebol, feiras, shows e outros eventos. E também em bares e restaurantes, que depois foram excluídos da lista.

Eduardo Bolsonaro disse que se trata de uma restrição do direito de ir e vir. Aceitar essa medida, segundo ele, poderia “abrir a porteira” para outras restrições. Também declarou que se vacinará contra o coronavírus, mas que não se pode exigir que todos tomem os imunizantes –ele e outros deputados criticaram a velocidade com que as vacinas foram desenvolvidas.

Desde o início da pandemia o presidente Jair Bolsonaro e seus apoiadores se opõem a governadores e prefeitos. Eles são contra medidas de isolamento social adotadas por Estados e municípios para conter o avanço da pandemia.

 

 

 

 

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER