12 de Janeiro de 2022, 08h:24 - A | A

Nacional / CHAPA QUENTE

Bolsonaro chama governador de "comunista gordo"

Presidente comparou o governador do Maranhão a ditadores comunistas

IG



O presidente Jair Bolsonaro (PL) sugeriu na última terça-feira (11) que o governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB), é um "comunista gordo". Em conversa com apoiadores em frente ao Palácio do Planalto, o chefe do Executivo comentou que a característica é comum a líderes de países comunistas, citando a Coreia do Norte e a Venezuela como exemplos.

"Vocês repararam que, nos países comunistas, geralmente o chefe é gordo? O cara da Coreia do Norte, gordinho né? Venezuela, gordinho né? Maranhão?", disse Bolsonaro, rindo na sequência.

Após tomar conhecimento da declaração preconceituosa, Dino reagiu em suas redes sociais ao que classificou como "piada, além de sem graça, repetida". O governador ainda chamou o presidente de "fracassado e bisonho" e sugeriu que ele trabalhe.
"1. “Piada”, além de sem graça, repetida. Compatível com a notória escassez de neurônios do indivíduo. 2. Ao bisonho e fracassado “piadista”, faço uma conclamação: VAI TRABALHAR. Os problemas federais são cada dia mais graves: inflação, desemprego, aumento dos combustíveis etc", escreveu Dino, um dos críticos mais ativos contra o governo. Leia mais em IG

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER