19 de Setembro de 2021, 16h:50 - A | A

Nacional / POR PREVARICAÇÃO

Calheiros diz que pedirá indiciamento de Bolsonaro

Justificativa, segundo o relator da CPI, é o fato de Bolsonaro não ter acionado órgãos de investigação sobre denúncias de irregularidades na negociação da Covaxin

IG




O relator da CPI da Covid, senador Renan Calheiros (MDB-AL), deve pedir o indiciamento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em seu relatório final da Comissão, que termina nos próximos dias. A expectativa é que Calheiros apresente o relatório até a próxima quinta-feira, 23.
Em entrevista ao jornal O Globo, Calheiros disse que o motivo se dá ao fato do mandatário não ter acionado órgãos de investigação sobre denúncias de irregularidades na negociação da vacina Covaxin pelo Ministério da Saúde.
Além do pedido contra Bolsonaro, o texto também deve destacar os principais pontos investigados pela Comissão, como o chamado 'gabinete paralelo' , a propaganda de remédios com ineficácia comprovada contra a Covid-19 e a demora na aquisição de imunizantes contra a doença.
Em relação ao crime de prevaricação, Calheiros se refere à denúncia feita pelo deputado Luis Miranda (DEM-DF), em março deste ano. Segundo o relator, o documento estará fortalecido, já que o chefe do Executivo já é alvo de investigação por prevaricação no Supremo Tribunal Federal (STF).

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER