03 de Janeiro de 2022, 10h:43 - A | A

Nacional / "NÃO DECOLOU"

Em baixa nas pesquisas, Moro sinaliza que vai desistir da Presidência e concorrer ao Senado

Segundo a colunista Carolina Brígido, caso Moro não chegue próximo dos 15% nas enquetes até o segundo mês do ano (hoje o ex-juíz não passa dos 9%) Moro abrirá mão de tentar a cadeira de chefe do Executivo.

IG



O ex-ministro da Justiça e principal aposta da chamada 'terceira via', Sergio Moro, pode acabar disputando o Senado caso sua pré-candidatura à presidência da República não decole até fevereiro. Segundo a colunista Carolina Brígido, caso Moro não chegue próximo dos 15% nas enquetes até o segundo mês do ano (hoje o ex-juíz não passa dos 9%) Moro abrirá mão de tentar a cadeira de chefe do Executivo.

De acordo com interlocutores próximos ao ex-magistrado, Moro deverá ter um mandato em 2023, seja qual for. Isso teria se tornado ainda mais necessário após as suspeitas levantadas pelo Tribunal de Contas da União de que o ex-ministro de Bolsonaro teria atuado em um "conflitos de interesses, favorecimentos, manipulação e troca de favores entre agentes públicos e organizações privadas" quando foi contratado pela consultoria americana Alvarez & Marsal— escritório que administrou judicialmente a Odebrecht, empreiteira investigada pela Lava Jato (um dos alvos dos processos que Moro conduzia quando juíz). Leia mais em IG

Comente esta notícia

Laercio Barbieri 03/01/2022

O juiz nao tem simpatia e vai surgir muitos boatos. Verdades ou nao vai ser deficil pra ele cinvencer o Brasil. Ja como senador, eh so o PR que vita e o conhece melhor. Depois que ele provar sua capacidade e confianca pode pleitear a presidencia.

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER