29 de Março de 2022, 08h:23 - A | A

Poderes / BATEU ASAS

Após 21 anos, Wilson Santos troca o PSDB pelo PSD: Base me orientou

Parlamentar já vinha cogitando mudança de partido, e chegou a falar com mais de cinco siglas

CAMILLA ZENI
DA REDAÇÃO



O deputado estadual Wilson Santos é mais um dos parlamentares que mais marcam a janela partidária para migração de siglas em 2022. Na tarde desta segunda-feira (28), ele formalizou a mudança de partido, do PSDB para o PSD, do senador Carlos Fávaro, depois de mais de 20 anos no ninho tucano.

A mudança de partido já vinha sendo estudada há algum tempo por Wilson e foi discutida em encontro com a base, realizado no sábado (26). Segundo ele, a orientação para que procurasse um novo grupo foi dos próprios correligionários. 

“Reunimos quase 100 lideranças que nos apoiam e discutimos longamente todos os aspectos. De forma unânime, a base nos orientou a deixar o PSB”, afirmou. 

Na semana passada, Wilson chegou a afirmar que tinha a intenção de permanecer no PSDB, em razão da história que construiu na sigla. No entanto, disse que o assunto seria discutido. Uma das especulações para a saída do parlamentar gira em torno de uma desavença entre ele e o presidente estadual do PSDB, deputado Carlos Avallone. 

A situação ocorreu após Avallone afirmar que foi desrespeitado pela esposa de Wilson, durante uma audiência na Assembleia. Devido à mesma ocasião, Avallone pediu uma sindicância para apurar denúncia de suposta troca de documentos na Comissão do Meio Ambiente, levantada por Wilson contra o colega. 

Apesar do desentendimento, Wilson garante que esse não foi o motivo, embora não afirme o que o levou a deixar a sigla. Nos bastidores, a informação é que o parlamentar também teria percebido os tucanos perdendo força política em Mato Grosso. Wilson, então, teria percebido dificuldade para reeleição no pleito de 2022.

Agora, com o reforço, o PSD passa a contar com três parlamentares na Assembleia Legislativa, sendo eles, além de Wilson, os deputados Ondanir Bortolini (Nininho) e a Dr. Gimenez. A bancada empata lado a lado com o PL, União Brasil e o MDB, todos com três membros.

 

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER