29 de Janeiro de 2022, 17h:16 - A | A

Poderes / QUASE DECIDIDO

Botelho: Chance de Mauro disputar reeleição ao Governo é de 90%

Democratas se reuniram no Palácio Paiaguás, nesta semana, para tratar das eleições

CAMILLA ZENI
DA REDAÇÃO



O deputado estadual Eduardo Botelho (DEM) afirmou que o Democratas já conta com a candidatura de reeleição do governador Mauro Mendes (DEM) no pleito deste ano. Segundo Botelho, apesar de Mauro não confirmar, por enquanto, que vai entrar nessa disputa, o governador já estaria praticamente decidido a continuar no cargo.

"À princípio, ele diz que ainda não é 100% candidato, mas as chances de ser são bem maiores. Em torno de 90% para ser e 10% para não ser. Então, a gente acredita que é certeza que ele vai ser, sim", comentou o deputado após deixar a reunião do Democratas, realizada no Palácio Paiaguás na noite de quinta-feira (27).

Mauro vem sendo questionado sobre a possibilidade de uma campanha de reeleição há meses, mas ainda não adiantou sua posição. Afirma que apenas falará de política a partir de março. Diz ainda que apenas haverá uma decisão final nas convenções partidárias, que finalizam em agosto. 

Nessa sexta-feira (28), Mauro chegou a comentar que vai definir o assunto ao longo do semestre, e que ainda pretende conversar com a primeira-dama, Virgínia Mendes, para tomar uma decisão. No entanto, sua reeleição é tida como certa não apenas pelo Democratas, mas também por partidos aliados. Eles, porém, ainda aguardam uma sinalização do governador. 

Leia também - VÍDEO: Mauro confirma vai pedir aval de Virginia para disputar a reeleição

Encontro do DEM

O encontro faz parte de um acordo firmado no final de 2021, quando as lideranças sinalizaram o ex-deputado federal Fábio Garcia como presidente da nova sigla e firmaram o compromisso de que, a partir de janeiro, seriam feitas reuniões quinzenais para avaliar o cenário e montar as chapas. 

Na reunião desta semana, as lideranças avaliaram nomes para as chapas que vão concorrer à Câmara dos Deputados e à Assembleia Legislativa, analisaram o cenário eleitoral em Mato Grosso e discutiram a situação dos filiados que deverão deixar o partido quando a fusão do Democratas com o PSL, dando lugar ao União Brasil, for homologada. 

Conforme Botelho, as candidaturas femininas também foram discutidas e já estão encaminhadas para as eleições. 

Ao todo, o União Brasil teria ao menos 15 nomes cotados para candidatos a deputados federais e 40 nomes para montar a chapa estadual.

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER