13 de Setembro de 2021, 12h:27 - A | A

Poderes / CPI DA COVID

Delator da Ararath depõe sobre caso da Covaxin nesta semana

Em Mato Grosso, Tolentino, que é dono do canal de TV Rede Brasil, é um dos delatores da Operação Ararath, que apurou crimes financeiros e no âmbito do governo estadual.

DA REDAÇÃO




O advogado e empresário Marcos Tolentino da Silva deve ser ouvido na CPI da Covid, no Senado Federal, nessa terça-feira (14), sobre o caso das vacinas indianas Covaxin. Ele é suspeito de ser sócio oculto da FIB Bank Garantias - empresa que atestou ao Ministério da Saúde a capacidade financeira da Precisa Medicamentos na negociação para a compra do imunizante.

Em Mato Grosso, Tolentino, que é dono do canal de TV Rede Brasil, é um dos delatores da Operação Ararath, que apurou crimes financeiros e no âmbito do governo estadual. Em 2016, ele se tornou réu no processo que apura a compra da vaga de um conselheiro no Tribunal de Contas do Estado.

Além dele, também depõe na CPI da Covid nesta semana é o empresário cuiabano Danilo Trento, diretor institucional da Precisa Medicamentos, no dia 16. Ele também é suspeito de ser sócio oculto de Francisco Maximiano, presidente da Precisa.

Saiba mais

Coaf: Diretor da Precisa, cuiabano movimentou R$ 2 milhões por mês de forma atípica

Investigado na CPI da Covid, empresário foi delator da Ararath e devolveu R$ 3 milhões

Empresário cuiabano é convocado para depor na CPI da Covid, diz site

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER