30 de Junho de 2021, 13h:42 - A | A

Poderes / FIM DA TAXAÇÃO DO SOL

Deputados derrubam veto e mantêm proibida a cobrança de ICMS sobre energia solar em MT

A votação polêmica teve 14 votos a 9 pela derrubada do veto.

SILVIA DEVAUX
DA REDAÇÃO




Os deputados estaduais derrubaram o veto do governador Mauro Mendes (DEM) e mantiveram a proibição da cobrança de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre a distribuição de energia solar em Mato Grosso, conforme projeto aprovado na Assembleia Legislativa.

A votação polêmica teve 14 votos a 9 pela derrubada do veto.

A justificativa do governo ao vetar o projeto foi de que a Procuradoria Geral do Estado (PGE) apontiu inconstitucionalidade, por ausência de convênio e de autorização do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) e por ausência de estudo e previsão de impacto orçamentário.

Leia mais:
Assembleia deve derrubar veto de Mauro sobre taxação do sol em MT
Estado diz não possuir "poder" para barrar taxação do sol em MT
Mauro veta projeto que coloca fim no imposto sobre energia solar em MT

Ocorre que mesmo que  mesmo com o veto derrubado pelos deputados, a proibição à cobrança  corre o risco de ser barrada na Justiça.

O governador tinha reunião marcada com os deputados da base na terça-feira (29), mas por uma viagem urgente à Brasília a reunião foi desmarcada e o entendimento entre as partes não foi discutido. Os deputados esperavam que o governo pudesse baixar a taxação.

Diante da polêmica sobre o veto, o governo publicou esclarecimento de que a definição da cobrança é feita pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) e o Executivo estadual não tinha poder para alterar isso.

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER