02 de Julho de 2022, 15h:22 - A | A

Poderes / PROJETO APROVADO PELA AL

Mauro vai ouvir PGE e pode vetar porte de armas a atiradores e colecionadores em MT

Proposta é de autoria do deputado Delegado Claudinei e foi aprovada pela Assembleia Legislativa

DAFFINY DELGADO
DO CONEXÃO PODER



O governador Mauro Mendes (União Brasil) não descartou a possibilidade de vetar o Projeto de Lei nº39/2022, que reconhece o risco da atividade dos caçadores, atiradores e colecionadores de armas de fogo (Cacs), possibilitando o porte, em Mato Grosso.

A matéria foi na sessão de quarta-feira (29), por maioria dos votos. Apenas os deputados Lúdio Cabral (PT) e Wilson Santos (PSD) foram contrários a PL. O projeto agora segue para sanção ou veto do Governo do Estado.

Durante entrega da nova sede do Batalhão de Emergências Ambientais (BEA) do Corpo de Bombeiros, em Cuiabá, realizada na manhã desta sexta-feira (01), Mauro afirmou que vai seguir a recomendação da Procuradoria Geral do Estado (PGE).

Leia também: Mauro detona ‘PEC Kamikaze’ aprovada no Senado: Ficam atrás de ‘votinho’

"Eu sou um governador muito mais técnico, sou um governador que vou ouvir a procuradoria, se ela me recomendar pela sanção, vou sancionar, se ela recomendar pelo veto, vou vetar", afirmou.

Vale lembrar que, no início do mês passado, o governador criticou a proposta afirmando ser inconstitucional. Além disso, ele criticou dizendo que os parlamentares tem que parar de ficar fazendo "lei de última hora só pra tentar ganhar um votozinho".

O projeto é assinado, além de do deputado Delegado Claudinei (PL) é assinado também por Ulysses, por Xuxu Dalmolin (União Brasil), Gilberto Cattani (PL), Valmir Moretto (Republicanos), Elizeu Nascimento (PL).

Por meio das redes sociais, o deputado comemorou a aprovação da proposta na AL e afirmou que aguarda a sanção do Governo do Estado.

“O Projeto de Lei nº 39/2022 de minha autoria, que visa garantir a liberdade e a segurança dos atiradores desportivos (CAC’s), acaba de ser aprovado em segunda votação na Sessão Ordinária desta quarta-feira, 29. Agora é aguardar que nosso governador se posicione a favor e sancione a Lei”, escreveu ele em publicação no Instagram.

Comente esta notícia

Jorge Luís Basei 03/07/2022

Boa tarde a todos. Mauro, nosso governador, anda sempre com seguranças, e provavelmente ele tem alguma arma em casa também. O que queremos é mostrar que os CACs são pessoas totalmente preparadas para portar a arma. Certamente nosso governador irá aprovar o projeto.

Leonardo Nassar 03/07/2022

Realmente uma pena um estado tão fabuloso como eh o Mato Grosso, com políticos extremamente fracos. Se o governador vetar, por fvr deputados derrubem o veto.

André 02/07/2022

Essa lei não dá porte a ninguém. Ela apenas reconhece o risco de ser CAC. As provas, os testes, os custos continuam os mesmos que qualquer cidadão de bem tem que arcar para solicitar o porte de arma de fogo. O porte continua sendo autorizado pela Polícia Federal que pode indeferir o pedido.

3 comentários

1 de 1


GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER