17 de Setembro de 2021, 09h:25 - A | A

Poderes / IMPEDIDO DE SAIR DO PRÉDIO

Secretário é "encurralado" por manifestantes contrários ao fechamento de escolas em VG

Alan Porto afirmou que representantes dos manifestantes foram chamados para reunião mas se recusaram a subir

CAMILLA ZENI
DA REDAÇÃO




O secretário de Estado de Educação (Seduc), Alan Porto, foi encurralado por professores e sindicalistas na noite dessa quinta-feira (16), ao deixar uma reunião na Secretaria de Educação de Várzea Grande.

Conforme o #reportermt noticiou, Alan Porto precisou de ajuda da Polícia Militar para conter os manifestantes e conseguir deixar o local.

Após o ocorrido, o secretário explicou que estava no local para uma reunião com cinco diretores escolares, assessores pedagógicos e o secretário municipal de Educação, Silvio Fidelis para discutirem o redimensionamento de algumas unidades escolares.

Entretanto, durante a reunião, os gestores foram informados sobre a presença dos manifestantes. Alan Porto informou que foi autorizado que quatro representantes subissem para participar da reunião estratégica. Entretanto, o grupo se recusou.

"Eles se recusaram a participar dessa reunião e informaram que eu teria que descer lá para conversar com todos eles. Mas naquele momento estava chovendo e não tinham condições físicas para a gente conversar, e eles se recusaram", explicou o secretário.

Alan Porto disse que, então, como a reunião tinha finalizado, ele se encaminhou para seu carro. Foi então que o grupo de manifestantes passou a cercá-lo e xingá-lo. "Foi uma situação muito chata", lembrou.

O secretário de Educação também afirmou que a Seduc não determinou o fechamento das escolas, mas apenas pretende passar para o município a gestão dessas unidades. Ele ainda garantiu que, na próxima semana, a Seduc vai conversar diretamente com as escolas que passarão pelo redimensionamento, e ouvirá a demanda dos pais. Ainda, será esclarecida como ficarão as matrículas dos estudantes.

"Nenhum estudante será prejudicado, nenhum professor será prejudicado e essas unidades não vão fechar. Elas vão passar a ter a gestão por parte do município. O que nós queremos é sempre tratar esse assunto muito técnico com muito diálogo e muita responsabilidade", disse.

Discussão velha

A questão do "reordenamento" das escolas em Mato Grosso tem sido discutida desde o fim de 2020, quando o secretário Alan Porto chegou a ser convocado na Assembleia Legislativa para esclarecer boatos de fechamento de 300 unidades escolares no estado.

Na ocasião, Alan Porto criticou a informação de fechamento de escolas e considerou o caso "um desrespeito com a comunidade escolar".

Saiba mais

Manifestantes "prendem" secretários de Educação em gabinete; PM negocia

Secretário da Seduc será convocado na AL para falar de fechamento de escolas

Estado vai desativar 19 escolas; Cejas e Cefapros serão reestruturadas

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER