29 de Janeiro de 2022, 17h:11 - A | A

Poderes / DINHEIRO DO CONTRIBUINTE

Vereador empresta carro usado para gabinete e vai comprar novo com auxílio de R$ 5 mil

Sargento Vidal declarou que não há problemas nesse caso, pois a empresa que alugava os carros também recebeu os valores e no fim do contrato os veículos não ficaram para Câmara de Cuiabá.

DA REDAÇÃO



O vereador Sargento Vidal (PROS) disse ao RepórterMT, na manhã deste sábado (29), que pretende utilizar o auxílio-transporte no montante de R$ 5 mil, concedido aos parlamentares da Câmara Municipal de Cuiabá, para financiar um veículo próprio. Além disso, ele explicou que irá colocar um Renault Duster de sua propriedade para atender às demandas de seu gabinete.O auxílio-transporte foi aprovado pelos vereadores em dezembro do ano passado. A aprovação veio após a Casa de Leis encerrar o contrato de aluguel de veículos, que atendiam os gabinetes.

“Na verdade, essa questão do transporte era da Câmara quando alugava, mas ela também nunca foi dona do carro. A empresa que alugava levou todos embora. Então não tem essa dificuldade porque qual é a diferença. A Câmara pagou aí durante cinco ou seis anos os veículos mensalmente e agora, no dia 21, eles devolveram todos os carros então, a casa não tem nenhum mais”, explicou.

Vidal explicou que todos os vereadores que forem receber o valor irão alugar ou comprar um veículo. Após avaliar as duas possibilidades, ele resolveu deixar um de seus carros para utilização de seu gabinete, para que parte do dinheiro possa ser investido em outro.“Tenho um Duster, que já paguei mais de R$ 40 mil e falta ainda 20 parcelas para pagar. Eu ia dar ela em outro veículo, mas como eu tenho um Siena também, deixei essa Duster para uso do meu gabinete. Com os R$ 5 mil eu vou continuar pagando o financiamento dela, o combustível e os reparos que por ventura surgir”, contou.Ao ser questionado sobre o uso do dinheiro público para aquisição de bens, o vereador disse que não viu nenhuma irregularidade.“Na verdade, essa questão do transporte era da Câmara quando alugava, mas ela também nunca foi dona do carro. A empresa que alugava levou todos embora. Então não tem essa dificuldade porque qual é a diferença. A Câmara pagou aí durante cinco ou seis anos os veículos mensalmente e agora, no dia 21, eles devolveram todos os carros então, a casa não tem nenhum mais”, explicou.O vereador ainda destacou que se lá na frente falarem para ele que não pode usar o dinheiro para aquisição de veículos, ele alugará um sem problemas."O dinheiro é pago para o vereador manter um carro no gabinete dele. O dinheiro veio para essa finalidade e se lá na frente disserem que não posso comprar alugo sem problemas nenhum", finalizou.

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER