24 de Julho de 2020, 17h:05 - A | A

Programas / FIM DO ROMBO

Dinheiro da corrupção pode evitar mais descontos e salvar aposentadorias de MT

A proposta é encaminhar o dinheiro da corrupção para fundo da Previdência estadual de forma automática

MÁRCIA MATOS
DA REDAÇÃO




Primeiro secretário da Assembleia Legislativa, o deputado Max Russi (PSB) defende, em projeto de lei, que todo o dinheiro recuperado pelo Estado, de crimes de corrupção e sonegação fiscal, seja automaticamente revertido para um fundo da Previdência Estadual, para evitar que os descontos dos salários dos servidores e aposentados seja ainda maior nos próximos anos.

Em entrevista ao Conexão Poder, Russi apontou que se isso tivesse sido feito há 10 anos, hoje não haveria rombo na Previdência Estadual e servidores e aposentados não precisariam pagar caro, tendo maiores descontos em seus proventos, como ocorreu recentemente.

A proposta considera ainda repassar percentual da arrecadação dos incentivos fiscais.

O deputado argumenta que a proposta visa solução eficiente e não tem fundo demagogo, como outras que buscam a redução de alíquota, sendo que  o aumento já foi implementado.

Veja o vídeo:

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER