18 de Junho de 2020, 08h:57 - A | A

Repórter MT / PARADA GERAL

24 municípios da região Oeste devem decretar lockdown

Prefeitura de Cáceres já recebeu pedido até da OAB para fechar comércio e no município pacientes serão tratados desde o início com cloroquina

ANDRÉIA FONTES
DA REDAÇÃO




O lockdown deve ser adotado por 24 municípios da região Oeste do Estado. Prefeito de Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá), Francis Maris informou que recebeu da Ordem dos Advogados do Brasil do município um pedido para a realização do lockdown devido ao aumento no números de casos de contaminação e a ocupação de 100% dos leitos de UTI's. O prefeito enfatizou que a medida representa, no momento, um combate mais eficaz e rígido. Em Cáceres também já foi determinado que os pacientes serão tratados inclusive com cloroquina desde os primeiros sintomas da covid-19.

Francis destacou ainda que o lockdown vem sendo estudado não só por Cáceres, mas por todos os municípios da região e “logo mais estarão adotando um decreto padrão que atenderá de forma única toda a região oeste de Mato Grosso”.

Boletim divulgado na tarde desta quarta-feira pela secretaria de Estado de Saúde (SES) mostra que três municípios da região Oeste já estão com risco muito alto de disseminação do novo coronavírus e a orientação do governo do Estado é que realmente decretem o lockdown. Além de Cáceres, estão nesta situação Pontes e Lacerda e Porto Esperidião.

Na região, não há mais leitos de UTI disponíveis para pacientes com covid-19. Em Cáceres, a taxa de crescimento de contaminação é de 240%, em Pontes e Lacerda 140% e em Porto Esperidião 600%.

Além disso, de acordo com o grupo de pesquisadores do Ibope, entre os dias 14 a 21 de maio de 2020, em Cáceres, o distanciamento social na cidade era muito pequeno, onde apenas 18,8% ficavam em casa o tempo todo, 31,3% saiam de casa todos os dias e 49,9% saiam de casa apenas para atividades essenciais.

“Isso é um grande problema, pois a proporção da população com anticorpos para o coronavírus em Cáceres está abaixo de 1%”, enfatiza o prefeito.

Francis Maris ainda informou que a prefeitura de Cáceres está com diversos trabalhos de prevenção ao coronavirus em ação e um protocolo com todos os médicos do sistema de saúde da rede municipal já foi adotado para que o paciente que apresentar os primeiros sintomas da covid-19 já comece a ser tratado com cloroquina, ivermectina e azitromicina. 

"Dependemos também da conscientização da população, não adianta fazermos tudo e a população não se cuidar e não se ajudar. Só 18% fica em casa, é muito pouco, nós deveríamos ter no mínimo 50% das pessoas ficando em casa”, conclui o prefeito.

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER