17 de Março de 2020, 14h:41 - A | A

Repórter MT / URGENTE

TSE suspende eleição suplementar ao Senado em Mato Grosso

Decisão acontece devido ao risco de propagação da doença

DA REDAÇÃO




Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determina a suspensão da eleição suplementar ao Senado, em Mato Grosso, marcada para o dia 26 de abril. A decisão acontece devido ao risco de propagação do coronavírus e é da ministra Rosa Weber, que na semana passada rejeitou o mesmo pedido feito pelo governo do Estado.

Agora, a ministra enfatizou que a preocupação externada pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso justifica o reexame da matéria. Destacou também a necessidade de definição porque a período de propaganda eleitoral teria início nesta quarta-feira (18).

A ministra destaca que uma nova data deverá ser marcada, o mais brevemente possível.

A eleição suplementar em Mato Grosso foi marcada pelo TSE no dia 22 de janeiro, ficando agendada para 26 de abril. A decisão foi tomada após confirmação da cassação da senadora Selma Arruda (Podemos) por caixa 2 e abuso de poder econômico.

Na última semana, os partidos realizaram as convenções e foram confirmados 12 candidatos para disputar a vaga de Selma.

A um passo da vaga

Apesar da eleição ter sido confirmada, no dia 31 de janeiro o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, concedeu liminar para que o terceiro colocado nas eleições ao Senado, Carlos Fávaro (PSD), assumisse interinamente, em caso de vacância, a vaga da senadora cassada Selma Arruda (Podemos). Ainda não assumiu porque o Senado ainda não declarou a vacância.

Comente esta notícia



GRUPO ANDRÉ MICHELLS

Rua das Orquídeas, 247 Bosque da Saúde Cuiabá - MT 78050-010

(65)33583076

RepórterMT
G5 NEWS
CONEXÃO PODER